Dicas para ser um MEI de sucesso

O microempreendedor individual (MEI) é aquele que trabalha por conta própria e administra sozinho seu negócio. Para ser um MEI, a sua microempresa precisa faturar no máximo até R$60.000 por ano e ter até um funcionário. Se você já é seu próprio chefe, a formalização do seu negócio traz uma série de benefícios, como o direito a previdência e isenção de alguns impostos. Hoje no blog do Merkaz, trouxemos algumas dicas para te ajudar a ter sucesso como microempresário.

Esteja atento as obrigações fiscais

O pagamento dos tributos sob a circulação de mercadorias e prestação de serviços precisam sempre estar em dia. Caso isso não ocorra, a empresa será multada e o microempreendedor pode até perder o seu CNPJ. Verifique também a legislação do seu município, algumas atividades não são permitidas com registro de MEI.

Estude o mercado

É importante acompanhar as tendências do mercado e se o seu serviço/produto possui espaço na economia atual. Planeje-se de acordo com os períodos de maior e menor movimento para manter-se sempre no azul.

Trace planos e metas

Tenha a consciência de que agora você é um empresário e não mais um trabalhador comum. Pense como um gestor, faça um planejamento, trace metas para o crescimento da empresa. Saiba aonde você quer chegar e quais serão os custos necessários para isso. Tenha estratégias de vendas e atendimento, para conquistar clientes.

Tenha controle sobre os gastos

Tenha muito cuidado com as contas da empresa. Mesmo que a maioria dos MEIs não tenham formação na área de administração, por exemplo, é necessário ter uma boa noção de gestão de finanças. É importante separar o seu salário pessoal do lucro da empresa. Controle os gastos, analise o valor do ticket médio, anote o capital que entrou e saiu. Desse jeito fica mais fácil destinar os lucros para investimento e crescimento.

Invista em um serviço de qualidade

O seu serviço ou produto precisa ser de ótima qualidade para atrair clientes, ainda mais no começo da empresa. Você precisa se diferenciar do resto do mercado. Lembre-se: o barato pode sair caro. Investir em produtos de menor qualidade por conta do preço pode resultar em perca de dinheiro. Aproveite que sua empresa é de pequeno porte e tenha um contato direto com seus clientes, criando um vínculo de fidelidade.

Tenha controle sobre as formas de pagamento

É comum que com a intenção de ter clientes, o microempreendedor facilite as formas de pagamento, como por exemplo, vender fiado. Ao invés dessa prática, por que não investir em máquinas de cartão? É muito mais seguro para você! Deixar que os clientes paguem “depois” pode até criar um elo de confiança, mas você pode sair no prejuízo.

O sonho de ter seu próprio negócio é algo comum na vida dos brasileiros. Com disciplina e determinação, é possível obter os resultados desejados. Só depende de você! O Merkaz deseja boa sorte para todos os MEIs ou futuros microempreendedores.

 

 

 

Categories: Empreendedorismo

Close

FAÇA PARTE!

Would you like to see our space before joining? Come and visit our coworking space. Please fill out the form and our manager will get back asap.