Entrevista com Eduardo Wolk, Co-fundador da Startup Oxiot

Eduardo Wolk é designer e co-fundador da Oxiot, uma startup que combina hardware e software para entregar serviços que podem revolucionar a oxigenoterapia, um dos tratamentos de Doenças Respiratórias Crônicas.

Em entrevista, Eduardo fala um pouco mais sobre a sua startup, como surgiu a ideia de criar algo relacionado a saúde e sobre sua participação na primeira Incubação Merkaz. Leia mais:

Como surgiu a ideia de criar a Oxiot?

Em setembro de 2015 participei de uma Hackathon, maratona de desenvolvimento, organizada pela GE Healthcare, nessa ocasião conheci os meus sócios Edson Costa e André Franco. O Edson era consultor para hospitais e havia notado diversos problemas com o faturamento de gases medicinais. Alguns meses antes minha avó precisou de oxigenoterapia e percebi a falta de controle nessa medicação, pelo ponto de vista do paciente.

Ao cruzar essas histórias percebemos que o mesmo problema afetava vários pontos da cadeia, e que poderíamos resolvê-lo.

 

Você é designer, certo? Por que decidiu entrar para o mundo dos negócios?

Como resultado da Hackathon, fomos um dos times ganhadores e como prêmio recebemos mentoria da GE para continuar a desenvolver a ideia e transformá-la em um negócio.

Nessa época estava cursando uma extensão em design de serviços (que é, basicamente, como melhorar a experiência dos consumidores com uma marca/serviço) e ao final do curso me vi com duas possibilidades: tentar um empego nessa nova área ou focar no desenvolvimento da Oxiot. Ponderei os dois lados e optei pela Oxiot, vi que seria uma oportunidade de impactar muita gente e causar uma mudança palpável em um mercado bastante conservador.

 

Por que você decidiu criar uma startup ligada ao ramo da saúde?

Toda Hackathon possui um tema/problema a ser resolvido. Na que participamos, a GE Healthcare selecionou os desafios: Desospitalização e Redução de Custos. A partir desse foco começamos a discutir os problemas que encontramos e como poderíamos solucioná-los.

 

Conte um pouco sobre a sua experiência em participar da Incubação Merkaz.

O mais marcante dessa experiência foi a dedicação do Merkaz com as startups. Ao invés de chegarem com um plano de ação definido/padrão a frase que eu mais ouvia era “O que vocês precisam? Que mentor melhor ajuda vocês?”, a partir daí eles buscavam exatamente o perfil que precisávamos. Além das iniciativas próprias do Merkaz de nos colocar em contato com pessoas/instituições que tínhamos dificuldade de contato antes, ou que nem sabíamos da existência e eles fizeram a ponte para nós.

 

Qual foi o maior erro que você já cometeu em relação à Oxiot?

Acredito que foi desenvolver um dos nossos primeiros protótipos com base em uma premissa errada, na época não conhecíamos todos os pontos da cadeia de oxigenoterapia que conhecemos hoje e acreditávamos em uma premissa que não se mostrou verdadeira. Descobrir esse erro foi um balde de água fria, mas nos ensinou a contar com outras variáveis como contornar os obstáculos, sem perder o foco no objetivo do projeto.

 

E qual foi o momento mais marcante?

Cada protótipo novo, ao funcionar pela primeira vez é muito marcante. Desde o primeiro, que estava baseado na premissa errada, mas foi o primeiro e aprendemos muitas coisas durante o seu desenvolvimento até o mais recente, que finalmente colocamos para monitorar nosso primeiro paciente e já coletamos milhares de amostras de dados de consumo.

 

Quais os seus conselhos para quem está começando?

Na minha opinião, uma das melhores coisas a se fazer, desde o começo, é interagir com o ecossistema de startups, tanto da sua área como os mais gerais. Uma startup passa por muitas situações em que precisamos resolver coisas que nunca havíamos cogitado antes, e as trocas de experiencias com os outros empreendedores ajudam muito a “dar uma luz” de como continuar. Quanto mais você interagir mais tem a ganhar.

 

Categories: Interview

Close

FAÇA PARTE!

Would you like to see our space before joining? Come and visit our coworking space. Please fill out the form and our manager will get back asap.