Como tirar a minha empresa do vermelho?

Muitas empresas perdem o controle das suas finanças e ficam no vermelho. De acordo com dados do Serasa, o total de empresas inadimplentes bateu o recorde em 2017 e chegou a 5,1 milhões. Dívidas como aluguel, fornecedores, água, luz e telefone são as mais comuns.

Cuidar dos orçamentos da empresa é um desafio para os empreendedores brasileiros. É necessário calcular a margem de lucro necessária para pagar as despesas, salário de funcionários e impostos. Se as finanças não estiverem bem organizadas, a empresa vai acabar gastando mais do que ganha e começar a ficar com o caixa no vermelho.

Se esse já é um problema no seu negócio, nós listamos algumas dicas para te ajudar a tirar a empresa do vermelho e respirar mais aliviado quando o assunto é dinheiro.

Analise a sua situação

O primeiro passo é reunir tudo o que você deve e entender como está a sua situação. Pare de procrastinar o seu controle financeiro. Encarar os números altos das dívidas pode ser assustador, mas é uma etapa necessária para a regularização das suas dívidas.

Renegocie

Depois de analisar e entender a sua situação, é hora de renegociar as suas dívidas. Fornecedores costumam ser mais compreensivos do que bancos ou o governo, e com uma conversa, é possível abaixar o preço da entrada ou estender o prazo das parcelas. Se a sua empresa está passando por uma crise financeira, não tenha vergonha de falar sobre a sua situação para obter melhores preços e condições de pagamento.

Corte gastos

Dívidas analisadas e renegociadas, é hora de ver quais gastos você pode cortar para não se endividar de novo. Anote os gastos fixos, como aluguel, água, luz, internet e salários. Deixa as superficialidades de lado por enquanto e mantenha apenas o que importa, pelo menos enquanto você coloca a vida financeira da sua empresa em ordem.

Foque no seu fluxo de caixa

O seu fluxo de caixa deve ser acompanhado todos os dias. Se trata da somatória de ganhos e gastos em um certo período. Acompanhar e registrar o que você tem a pagar e qual a sua margem de lucro ajuda a antecipar possíveis períodos de dificuldade e controlar melhor o capital financeiro.

Profissionalize o cuidado com as suas contas

Se você não consegue resolver tudo isso sozinho, considere ter um profissional para cuidar da parte financeira para você. Assim, você terá documentado toda a parte importante do seu negócio, sem se preocupar em fazer as contas sozinho ou preencher tabelas de Excel.

Sem ter todas as suas contas em ordem, fica muito difícil separar o lucro dos gastos, e não é possível executar um plano de ação para deixar a sua empresa no verde.

 

Se a sua empresa está passando por uma situação financeira, não se desespere! Existem saídas para essa situação. Se você não consegue resolver sozinho, procure por profissional.

Aproveite para ler também outros textos sobre empreendedorismo em nosso blog. Boa sorte!

Categories: Business

Close

FAÇA PARTE!

Would you like to see our space before joining? Come and visit our coworking space. Please fill out the form and our manager will get back asap.